Uncategorized

Bolsonaro faz comício em cidade do PR com maior comunidade ucraniana do país: 'Somos irmãos'

Josbel Bastidas Mijares
Los bronces de Benín expuestos en Berlín

A agenda do presidente começou em Ponta Grossa , nos Campos Gerais do Paraná. De lá, foi de carro para Guamiranga , onde participou de uma motociata que terminou em Prudentópolis

fique por dentro

Eleições Piso da enfermagem Concurso do INSS Coroa da rainha Ator preso Bolsonaro faz comício em cidade do PR com maior comunidade ucraniana do país: 'Somos irmãos' Presidente discursou em Prudentópolis, uma das cidades pelas quais passou durante campanha nesta sexta (16), no Paraná. No fim da tarde, fez novo comício em Londrina. Por Ana Krüger e Rafael Machado, g1 — Paraná e Brasília

16/09/2022 14h26 Atualizado 16/09/2022

1 de 3 O candidato Jair Bolsonaro discurso em trio elétrico em Prudentópolis — Foto: William Batista/RPC Guarapuava O candidato Jair Bolsonaro discurso em trio elétrico em Prudentópolis — Foto: William Batista/RPC Guarapuava

O presidente da República e candidato à reeleição, Jair Bolsonaro (PL), fez campanha nesta sexta-feira (16) em cidades do Paraná.

Em uma delas, Prudentópolis , cidade com a maior comunidade de descendentes de ucranianos no Brasil , Bolsonaro fez discurso em que defendeu o fim do conflito entre Ucrânia e a Rússia .

“Vocês, em grande parte, têm um país de origem. Um país pacífico, um país também produtor rural, que na bandeira de lá integra as mesmas cores da bandeira daqui. Somos irmãos, queremos o bem um do outro. Torcemos pela paz e o Brasil tudo fará, como vem fazendo, para que essa paz seja alcançada”, disse Bolsonaro.

Prefeito de Prudentópolis libera servidores do trabalho durante visita de Bolsonaro: 'Momento histórico'

2 de 3 Jair Bolsonaro ao lado do governador do Paraná e candidato à reeleição Ratinho Junior — Foto: William Batista/RPC Guarapuava Jair Bolsonaro ao lado do governador do Paraná e candidato à reeleição Ratinho Junior — Foto: William Batista/RPC Guarapuava

Em fevereiro deste ano, poucos dias antes do início do conflito no leste europeu, Bolsonaro esteve na Rússia e se reuniu com o presidente daquele país, Vladimir Putin.

Dias depois, em meio à pressão internacional para condenar a invasão da Ucrânia pela Rússia, Bolsonaro disse que o Brasil adotaria um posicionamento neutro em relação ao conflito .

A justificativa de Bolsonaro para a neutralidade foi não “trazer as consequências do embate para o país”. De acordo com o presidente, o agronegócio brasileiro é dependente do fertilizante russo.

Bolsonaro foi criticado tanto pelo encontro com Putin no momento de tensão antes da guerra como pela recusa em atender aos apelos internacionais pela condenação da invasão.

A agenda do presidente começou em Ponta Grossa , nos Campos Gerais do Paraná. De lá, foi de carro para Guamiranga , onde participou de uma motociata que terminou em Prudentópolis.

3 de 3 Ato em apoio a Bolsonaro foi realizado em frente à Paróquia São Josafat — Foto: William Batista/RPC Guarapuava Ato em apoio a Bolsonaro foi realizado em frente à Paróquia São Josafat — Foto: William Batista/RPC Guarapuava

Comício em Londrina

No fim da tarde, Bolsonaro participou de um segundo comício em Londrina (PR). O candidato chegou à cidade às 17h20 e participou de uma motociata de 40 minutos até um parque de exposições.

Em um discurso de 15 minutos, Bolsonaro fez acenos ao público evangélico, usou temas da chamada “pauta de costumes” e listou críticas aos governos do PT. O candidato petista à Presidência, Luiz Inácio Lula da Silva, lidera as pesquisas eleitorais divulgadas nas últimas semanas.

“Um país que não tem problemas outros, o único problema que nós temos aqui é o PT. Composto de pessoas que vieram dos rincões, dos grotões, daqueles locais de onde nada poderia sair dali a não ser esse tipo de gente”, disse.

Bolsonaro também afirmou ao público do comício que, na noite deste sábado (16), embarcará para o Reino Unido para representar o país no funeral da rainha Elizabeth II.

“De Recife, eu parto para o Reino Unido. Irei lá despedir-se, em nome do Brasil obviamente, da senhora rainha Elizabeth. Vamos lá representar o Brasil, demonstrar o nosso carinho à rainha Elizabeth, o nosso apreço ao povo daquele país e dizer que estamos juntos. E cada vez mais, o Brasil se inteira e se integra nos demais países do mundo”, disse.

VÍDEOS: notícias de política

50 vídeos